Diante da pandemia, goleiro Neuer apoia redução de salários de jogadores

Por GloboEsporte | Portal Gazetaweb.com     25/03/2020 18h41 - Atualizada às 25/03/2020 19h14

Jogadores do Bayern de Munique aceitam corte de 20% nos vencimentos mensais

Goleiro Neuer apoia redução de salários de jogadores

FOTO: Divulgação

Clubes de futebol em todo o mundo vêm discutindo medidas para diminuir o impacto econômico da pandemia do novo coronavírus. Capitão da seleção da Alemanha e titular do Bayern de Munique, o goleiro Manuel Neuer acredita que os jogadores profissionais devem aceitar a redução de salários durante o período de crise, como uma forma de colaborar.

- Os jogadores de futebol formam um grupo de profissionais especialmente privilegiados, por isso é evidente que temos que aceitar uma redução salarial quando for necessária. O Bayern de Munique tem cerca de mil empregados e muitos outros ligados indiretamente, em tarefas importantes. Queremos ajudá-los com esse gesto - declarou Neuer à imprensa alemã nesta quarta-feira.

Os jogadores do Bayern de Munique chegaram a um acordo com o presidente Karl-Heinz Rummenigge, e os diretores Hasan Salihamidzic e diretor Oliver Kahn sobre uma redução de 20% dos salários do elenco e de profissionais do departamento de futebol. Essa medida ajudará o clube a não cortar os vencimentos de outros funcionários.

Na última terça-feira, foram os jogadores do Borussia Dortmund que aceitaram a redução salarial, também de 20%, para ajudar a minimizar o estrago econômico provocado pela pandemia do vírus da Covid-19.

O Bayern de Munique lidera o Campeonato Alemão com 55 pontos. A competição está suspensa desde o dia 16 de março e a previsão de momento é de só volte no início de maio.