Hamilton acorda no fim, quebra recorde de Silverstone e conquista pole

Por Gazetaweb, com Globo Esporte     01/08/2020 20h01

Hexacampeão mundial chega a rodar no Q2, mas na hora da verdade supera companheiro Bottas para alcançar 91ª pole na Fórmula 1

Hamilton acorda no fim, quebra recorde de Silverstone e conquista pole

FOTO: Jan Woitas/AFP

Lewis Hamilton não liderou nenhum treino livre, nem as duas primeiras partes da classificação, mas na hora que interessava, ou seja, no Q3, quebrou o recorde da pista de Silverstone e conquistou sua 91ª pole position na Fórmula 1. Na etapa final da classificação, o hexacampeão e líder do campeonato deste ano, que chegou a rodar no Q2, fez 1m24s303 e acabou 0s313 à frente do companheiro Valtteri Bottas, que vinha dominando o fim de semana.

Max Verstappen voltou a ser o piloto mais próximo - ou menos distante - das Mercedes e vai largar em terceiro com a RBR, mas com um tempo 1s022 pior que o de Hamilton. Já Charles Leclerc surpreendeu e levou a Ferrari ao seu melhor grid na temporada, em quarto lugar. Lando Norris, da McLaren, ficou na quinta posição e vai dividir a terceira fila com Lance Stroll (Racing Point).

Completam os dez primeiros do grid, da sétima à décima colocações, Carlos Sainz Jr. (McLaren), Daniel Ricciardo (Renault), Esteban Ocon (Renault) e Sebastian Vettel (Ferrari). Chamado às pressas para substituir Sergio Pérez, diagnosticado com coronavírus, Nico Hulkenberg ficou em 13º lugar com o carro da Racing Point.