Ambulantes protestam para vender produtos na festa de 200 Anos

Por Rafael Maynart e Alexandre Barbosa     13/09/2017 17h11 - Atualizada às 13/09/2017 17h55

Ambulantes atearam fogo em pneus na Praia do Jaragu

FOTO: Cortesia
.jpg" data-hashtags="#radiogazetaweb #gazetaweb" style="width:40%;">

Grupo foi informado que área interna será destinada aos patrocinadores do evento

Ambulantes atearam fogo em pneus na Praia do Jaraguá

FOTO: Cortesia

Ambulantes de Maceió realizaram um protesto, na tarde desta quarta-feira (13), após serem comunicados de que não poderão comercializar seus produtos na área interna da arena montada no estacionamento do Jaraguá, onde serão realizados os shows da Virada Cultural, promovido pela Secretaria de Estado da Cultura (Secult) como parte das comemorações dos 200 anos de Alagoas. Eles atearam fogo em objetos e interditaram a Avenida da Paz, deixando o trânsito congestionado.

O grupo pretende ir até o Ministério Público Estadual (MPE) para tentar resolver a situação. Segundo os ambulantes, a informação repassada pela Secult foi a de que a comercialização de comidas e bebidas dentro do local da festa seria feita por uma empresa privada e eles teriam que procurar a Secretaria Municipal de Segurança Comunitária e Convívio Social (SEMSC) para obter autorização.

"Não queremos tomar o lugar de ninguém. Viemos para organizar nossas coisas e recebemos essa notícia. Sempre tem evento aqui e nunca houve esse problema. Dessa vez aconteceu isso", disse Maria Cícera, de 57 anos.

A Gazetaweb entrou em contato com a assessoria da Secult e informou que o espaço interno da arena será administrado por uma cervejaria que está patrocinando o evento e que, desta forma, os ambulantes teriam que ficar na área externa. 

Ambulantes fazem protesto no bairro do Jaraguá

FOTO: Alexandre Barbosa