Prefeitura de Maceió autoriza 31 obras no Tabuleiro do Martins

Por Victor Lima, com informações da Seminfra     14/02/2020 12h27

Ruas do Tabuleiro do Martins sero pavimentadas e saneadas

FOTO: ascom
.jpg" data-hashtags="#radiogazetaweb #gazetaweb" style="width:40%;">

Rui Palmeira assina ordem de serviço na segunda (17) para que comecem as intervenções; investimento é de quase R$ 24 milhões

Ruas do Tabuleiro do Martins serão pavimentadas e saneadas

FOTO: ascom

Dando sequência ao programa Revitaliza Maceió, agora é a vez do bairro Tabuleiro do Martins receber necessárias obras. Na próxima segunda-feira (17), o prefeito Rui Palmeira assina a ordem de serviço e já dá início às intervenções para pavimentação e construção de redes de drenagem de águas pluviais e de esgotamento sanitário.

O evento para assinatura da ordem de serviço será realizado às 9h, na Rua Luiz Avelino Pereira, no Tabuleiro do Martins, mesma rua do Instituto Médico Legal (IML) de Maceió. Essas obras fazem parte do Programa Revitaliza Maceió, que faz parte do Nova Maceió, executado com recursos do Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF).

Ao total serão investidos quase R$ 24 milhões que serão aplicados em mais de 27 mil metros de redes para esgotamento sanitário, 5.473 ligações domiciliares, quase quatro mil metros de drenagem; quase 64 mil metros quadrados de pavimentação em 31 ruas do Tabuleiro do Martins e mais de 22 mil metros quadrados de calçadas.

"Na parte alta de Maceió podemos encontrar obra em quase toda parte. A Prefeitura não tem medido esforços para avançar com o Nova Maceió e chegar a locais onde há muito tempo já se esperava por esses avanços", comentou o secretário de Infraestrutura Mac Lira.

Para ele, as obras não trazem apenas mobilidade urbana. "Todas essas intervenções fazem parte de um compromisso da prefeitura com a qualidade de vida da população. Quando investimento em saneamento, por exemplo, estamos cuidando diretamente da saúde das pessoas", disse Mac.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OM), para cada dólar investido em água e saneamento são economizados 4,3 dólares em custos com saúde. "Por isso a nossa preocupação em entregar essas obras de pavimentação já com saneamento, pois irá refletir no bem-estar e contribuir par a saúde pública de Maceió", finalizou o secretário.

Revitaliza Maceió

Segundo Vitor Albuquerque, coordenador da Unidade Gestora do Programa Revitaliza Maceió, com o início dessa nova obra, já estarão em andamento a execução de mais de 278 mil metros quadrados de pavimentação em vias e aproximadamente 84 mil metros quadrados de rede coletora de esgoto e estão sendo empregados cerca de R$ 81 milhões de reais, somente na parte alta da cidade.

O Programa Revitaliza Maceió faz parte do Nova Maceió, lançado em agosto do ano passado. O objetivo é pavimentar mais de 400 ruas e implantar redes de drenagem e esgotamento sanitário, investindo mais de R$ 400 milhões nos bairros do Tabuleiro do Martins, Santa Lúcia, Cidade Universitária, Clima Bom, Garça Torta, Ipioca e Riacho Doce. Os recursos são oriundos do CAF, Banco do Brasil, Codevasf, Governo Federal e do próprio município de Maceió.